Quantos Informais Existem?

MÉXICO, DF 8-Fev .- De acordo com os números oficiais, há 12.44 milhões pela economia informal. O CEESP diz que 28.4. Qual é a informação correta? O Centro de Estudos Económicos do Sector Privado (CEESP) deu a compreender na semana passada, que calcula que há 28.4 milhões de pessoas pela informalidade. De onde saem os dezesseis milhares de pessoas adicionais a cifra oficial?

vamos Começar por olhar como define o Inegi para as informais. O dado oficial vem da Procura de Ocupação e Emprego pras Famílias. Divisão-Se do número de ocupados total, cujo dado mais recente é de 44.Quarenta e oito milhares de pessoas.

Uma das classificações da população ocupada, por tipo de unidade econômica em que trabalha. São determinados três tipos de unidades: organizações e negócios, organizações e lares. Há 21.8 milhões de pessoas que trabalham em empresas ou negócios. Há 6.2 milhões que o exercem em corporações; demonstram-se 5,3 milhões em instituições públicas.

E, há dezesseis milhões de pessoas que trabalham nos lares. Pra estatística oficial, o serviço informal é somente uma quota do serviço em moradia, parcela que atinge 12.Quatro milhões. De entrada, há que somar a informalidade dos que estão pela agricultura de subsistência, que são de 1,7 milhões, e os empregados domésticos, que chegam a mais de dois milhões. Todavia, também, há outros doze milhões que, provindo das instituições ou das corporações, falta de Segurança Social.

dessa maneira, os dezesseis milhões que trabalham nos lares se somam outros doze milhões que têm um emprego ou ocupação informal ou, ao menos, semiformal. O mais possível é que muitos estejam no âmbito dos micronegocios.

hoje em dia 9,7 milhares de pessoas em um micronegócio que não tem propriedade e outros 8.Sete milhões que sim têm um ambiente. Uma das hipóteses que segura o CEESP para esclarecer a alta informalidade no México, é o crescimento do Seguro Popular, que lhe tiraria a empresa e o trabalhador, o incentivo para estar na formalidade. Esta é uma conversa de anos, que começaram Santiago Levy e Julio Frenk, no momento em que eram os titulares do IMSS e de Saúde, respectivamente.

  • 30 h. Ceballos será jogador do real Madrid nas próximas seis temporadas
  • Venda de ingressos
  • (1952) R68
  • De 10 a doze anos: os segundos molares
  • seis Ônibus e táxis
  • Toyota Floritech Co., Ltd., em Rokkasho-Mura, Distrito de Kamikita, Província de Aomori
  • Arte e Design

Salomão Chertorivsky, comissário do Seguro Popular, foi levantado em imensas ocasiões, que não existem evidências empíricas de que o esquema de garantia popular incentive a informalidade. Por ventura, o Inegi deva aumentar o questionário aplicado pela busca trimestral de ocupação e emprego, pra distinguir com precisão o efeito da presença do Seguro Popular no tipo de emprego, em razão de hoje em dia não considera esses números. O ótimo senso está do lado do CEESP, visto que para as microempresas, o IMSS é um custo que normalmente tentam contornar, e se o trabalhador localiza um subcessor mais barato, deixaria de pedir a tua inscrição no IMSS.

No entanto, além nesse tema específico e polêmico, o CEESP colocou o dedo na ferida quanto às dimensões efetivas do serviço informal ou semiformal: mais de 2 terços. E o evento é que qualquer reforma, nem ao menos a serviço, nem sequer a fiscal, entre as propostas, aborda de cheio como fazer para formalizar plenamente a estes 28 centenas de pessoas.